Crie seu próprio Site Grátis! Templates Incríveis em HTML5/CSS3, Galerias de Fotos, Widgets, Publicação do Site e muito mais!
As Verminoses




 



INTRODUÇÃO



As verminoses são um tipo de infecção intestinal, provocada por agentes específicos, denominados parasitas. Constitui-se uma doença freqüente, de difícil controle pêlos órgãos públicos, que acomete o ser humano de forma irrestrita. Ocorre em crianças e * adultos, de ambos os sexos, em todas as classes sociais, tanto na zona rural como nas cidades.


 A doença é transmitida por alimentos contaminados, frutas e verduras mal lavadas, água contaminada, carnes cruas ou mal cozidas, mãos sujas, objetos contaminados (chupetas, brinquedos, copos, pratos, talheres, etc.). A contaminação pela poeira (lombriga) é menos freqüente e se dá através da penetração direta pela pele - "sola dos pés" - como no caso do amarelão e da esquistossomose.


 De modo geral, a maioria das pessoas infectadas se apresenta com quadro de dor abdominal, cólicas, náuseas, vômitos, diarréias, perda de peso, anemia, febre e quadros respiratórios. A apresentação dos sintomas e os exames de fezes normalmente dão a identificação do parasita. Exames de sangue podem ser necessários se houver acometimento sistêmico. Medicamentos antiparasitários específicos são utilizados por orientação médica, após a identificação do agente causador. O tratamento das populações afetadas reduz bastante o índice de infecções numa comunidade. A prevenção constitui-se a forma mais segura e eficaz contra estas infecções. As verminoses mais freqüentes são: ascaridíase (lombrigas), teníase (solitária), oxiuríase, tricuríase e ancilostomíase (amarelão). Outras, menos freqüentes, também são importantes, principalmente devido ao quadro clínico de alto risco para o paciente, tais como: amebiase, strongiloidiase. giardíase e esquistossomose.


 Verminose NÃO É SOMENTE UM PROBLEMA QUE AFETA CRIANÇAS DE BAIXA RENDA, mas acomete todo nosso Brasil. Para mudarmos este quadro há que conscientizarmos e mudarmos nossas condutas de higiene, além de exigirmos medidas sanitárias mais sérias tanto no saneamento básico, mas também treinamento e controle sanitário de restaurantes, bares, lanchonetes, agricultura, escolas, produtores de água mineral, filtros de água e tudo que se relacione à veiculação de água e alimentos.


Evite tomar medicamentos por conta própria, procure sempre a orientação de um médico.

1. Tipos de verminoses



Fonte: Espaço Saúde HAC



Clicar nos links abaixo para buscar sobre as verminoses...


01) http://www.colegiosaofrancisco.com.br/alfa/verminoses/


02) http://netobio.wordpress.com/2007/10/31/verminoses/




2. Principais sintomas



Os principais sintomas relacionados com as verminoses são: cólicas abdominais, enjôo, mudança do apetite, falta de disposição, fraqueza, emagrecimento, tonturas, vômitos, diarréia com ou sem perda de sangue ou fome constante.


Verminose NÃO É SOMENTE UM PROBLEMA QUE AFETA CRIANÇAS DE BAIXA RENDA, mas acomete todo nosso Brasil. Para mudarmos este quadro há que conscientizarmos e mudarmos nossas condutas de higiene, além de exigirmos medidas sanitárias mais sérias tanto no saneamento básico, mas também treinamento e controle sanitário de restaurantes, bares, lanchonetes, agricultura, escolas, produtores de água mineral, filtros de água e tudo que se relacione à veiculação de água e alimentos.



3. Consequências das verminoses



O mais comum é a desidratação causada pela diarréia e vômito, que ocorrem na fase aguda da doença. Outras condições também são descritas em consequência as verminoses: obstrução intestinal, retardo do desenvolvimento físico, comprometimento do comportamento na infância, e anemia cada vez mais grave.



4. Modo de contágio



As verminoses são transmitidas por alimentos contaminados, frutas e verduras mal lavadas, água contaminada, carnes cruas ou mal cozidas, mãos sujas, objetos contaminados (chupetas, brinquedos, copos, pratos, talheres, etc...). Menos frequente é a contaminação pela poeira (lombriga), e através da penetração direta pela pele - "sola dos pés" - como no caso do amarelão e da esquistossomose.



5. As responsabilidades dos órgãos públicos



Devido aos riscos de uma disseminação em grande escala, o governo mantém um sistema de controle sobre as verminoses, incluindo:



  • Tratamento e controle da qualidade da água do abastecimento público;

  • Aumento da área coberta por abastecimento público de água e esgoto sanitário;

  • Controle rigoroso das condições de saúde dos trabalhadores envolvidos com o manuseio de alimentos;

  • Limpeza adequada e rotineira dos reservatórios de água;

  • Campanhas de orientações sobre o tema, com programas voltados para a prevenção.



6. Tratamento




  • Medicamentos antiparasitários específicos após a identificação do agente causador.



7. Prevenção



A prevenção corresponde a melhor forma de proteger a saúde contra as verminoses. Algumas medidas simples são suficientes, tais como:



  • Lavar bem as mãos sempre que usar o banheiro, ou antes das refeições;

  • Conservar as mãos sempre limpas, unhas aparadas, e evitando colocar a mão na boca;

  • Beber somente água filtrada ou fervida;

  • Lavar bem os alimentos antes do preparo, principalmente se forem consumidos crus;

  • Andar somente calçado;

  • Comer apenas carne bem passada;

  • Não deixar as crianças brincarem em terrenos baldios, com lixo ou água poluída;

  • Manter limpa a casa e o terreno em volta, evitando a presença de moscas e outros insetos;

  • Comer somente em lugares limpos e higiênicos;

  • Realizar exames parasitológico e tomar vermifugo.


Do ponto de vista da comunidade a prevenção se faz através de:



  • Educação para a saúde;

  • Proibição do uso de fezes humanas para adubo;

  • Saneamento básico a toda a população;

  • Condições de moradia compatíveis com uma vida saudável.


 


 Lista de doenças causadas por seres vivos/Vermes


Fonte:


http://wapedia.mobi/pt/Anexo:Lista_de_doen%C3%A7as_causadas_por_seres_vivos?t=6.


http://www.seaacsjc.org.br/Saude/verminoses.htm 


 

Rating: 2.6/5 (395 votos)




ONLINE
1





Partilhe este Site...




Total de visitas: 26343